terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

GREVE NA BAHIA - Policiais chegam ao CAB para apoiar colegas amotinados na Assembleia

SITE: CORREIO 24 HORAS
No início da tarde desta terça-feira (7), Policiais Militares de outras cidades da Bahia e até de outros estados de chegaram ao Centro Administrativo da Bahia (CAB) para dar apoio aos colegas ocupantes da Assembleia Legislativa. Os manifestantes exigem a inclusão de um novo ponto na pauta de revindicação. Eles pedem que Prisco - líder do movimento grevista - seja reintegrado à Polícia Militar. A proposta será discutida durante assembleia da categoria na tarde desta terça-feira. "A Polícia não vai ceder enquanto o Governador não acatar as nossas propostas", afirmou Soldado Leite, da Polícia Militar do Maranhão. No local, os PMs grevistas levantam coro: "Prisco!"

Liberação de água e alimentos
O general da 6ª Região Militar permitiu a entrega de alimentos e material de higiene para os policiais militares que estão acampados no prédio da Assembleia Legislativa. Segundo oficial de Comunicação, Mário Cunha, a entrega de alimentos foi permitida por conta do avanço das negociações para o fim da greve. Por volta das 10h, soldados do Exército que fazem o cordão de isolamento em torno do prédio da Assembleia permitiram que manifestantes jogassem sacolas com alimentos, papel higiênico e água.

Um comentário:

  1. bombeiro do rj indignado com o cinismo excelentissimo gov sergio cabral filho7 de fevereiro de 2012 15:04

    sou bombeiro com trinta anos de serviços prestados e nunca fui lembrado e sim como um rg acredito que esse momento sera lembrado na historia como um ato de resistencia aos governos e mostrar a nossa indignaçao com toda corrpçao levada para debaixo das entranhas desses que se alcunham donos do poder

    ResponderExcluir