sexta-feira, 30 de março de 2012

Justiça manda reintegrar Marcos Prisco líder da greve na Bahia

SITE: TERRA

 
O líder da greve dos policiais militares da Bahia - ocorrida em fevereiro -, Marco Prisco, disse ter sido reintegrado à corporação na tarde desta quarta-feira. Segundo ele, uma decisão judicial foi concedida hoje e a decisão final sobre a volta de Prisco à PM depende apenas de liberação do governador Jaques Wagner (PT).

Ainda conforme Prisco, esta é a segunda vez que ele é reintegrado à tropa. A primeira vez ocorreu após uma greve em 2001 que ele ajudou a organizar.

Prisco foi solto na última sexta-feira, após 43 dias de prisão por liderar a greve dos PMs. Em uma gravação divulgada pelo Jornal Nacional, Prisco estaria combinando com um grevista atos de vandalismo.

3 comentários:

  1. Parabéns, a justiça dos homens sendo feitas, e quando vier a de DEUS, tremei!!!

    ResponderExcluir
  2. Essa decisão foi por causa da anistia , concedida , no ano passado , conseguida por nossos Bms e que foi extendida a outros estados.

    ResponderExcluir
  3. Embora o poder judiciãrio ande desacreditado, nele, existem uma maioria de pessoas do bem.

    ResponderExcluir