quarta-feira, 18 de abril de 2012

Arma de PM suspeito de estupro é achada em carro de policial civil

FONTE: G1

Policiais da 2ª Delegacia de Polícia Judiciária Militar (DPJM) detiveram, na manhã de terça-feira (17), um policial civil que estava com uma arma registrada em nome do PM Frank Cimar Barbosa de Oliveira Souza, suspeito de estuprar uma jovem e fugir da delegacia. Segundo o capitão Marcos dos Santos Machado, a espingarda calibre 12 estava no carro do agente. Ele foi levado para a 35ª DP (Campo Grande), onde foi autuado por porte ilegal de arma e liberado em seguida.
Segundo a Polícia Civil, o cabo Frank Cimar, que trabalha no 17º BPM (Ilha do Governador), será acusado de sequestro, estupro, de ameaçar a vítima e outras testemunhas.
O capitão contou que os policiais da 2ª DPJM investigavam um estacionamento que pertenceria a Frank Cimar, em Campo Grande, na Zona Oeste, quando o policial civil chegou ao local e se juntou a um sobrinho do PM foragido. O agente, que trabalha na 43ª DP (Pedra de Guaratiba), não deu uma explicação convincente para o que fazia no estacionamento e teve o carro revistado, ainda segundo o capitão. Lá, os PMs encontraram a espingarda.
“Quando verificamos que a arma estava registrada no nome do Frank Cimar, demos voz de prisão e levamos o agente para a delegacia. Ele alegou que a arma havia sido colocada em seu carro, sem que ele percebesse, pelo sobrinho do foragido”, disse o capitão Marcos.
Segundo a Polícia Civil, o inspetor da 43ª DP foi afastado, nesta quarta, do cargo para uma função no Setor Pessoal de Serviços Diversos. Ainda segundo a Polícia Civil, o caso está sendo investigado.


Nenhum comentário:

Postar um comentário