sexta-feira, 11 de maio de 2012

Justiça absolve 'Chico Bala' em processo de tentativa de homicídio

JORNAL O DIA
Um júri popular composto por sete pessoas absolveu o ex-policial militar Francisco César Silva de Oliveira, conhecido como Chico Bala, e Herbert Canijo da Silva, o Escangalhado, na madrugada desta sexta-feira. Eles foram denunciados por tentativa de homicídio qualificado contra André Luiz Batista Menezes e roubo, também qualificado, contra a Cooperativa de Transporte Alternativo - CoopVida. A sentença foi lida pela juíza Ludmila Vanessa Lins da Silva, do 1º Tribunal do Júri da Capital.
Durante o julgamento, que começou às 10h15 de quinta-feira, a principal testemunha, a vítima André Luiz Batista Menezes, voltou atrás em suas declarações anteriores prestadas à Polícia e à Justiça, em que afirmara a participação dos réus nos crimes. Ele disse que foi coagido pelo sargento Jorge Fernandes, já falecido, a acusar os dois réus pelo roubo à CoopVida e também pelos inúmeros disparos feitos em sua direção, em 19 de julho de 2008, na Praça do Sete de Abril, em Paciência, Zona Oeste do Rio.
Questionado, disse que acreditava que o militar queria o comando dos transportes alternativos na área. Também surpreendeu aos presentes ao declarar que “sempre soube que Francisco (Chico Bala) combatia as milícias”. A magistrada ouviu ainda outras três testemunhas, duas de acusação - os PMs Deiverson de Oliveira Arêas e Carlos Frederico Ludwig Neto - e uma de defesa, o delegado Marcos Neves, responsável pelo inquérito policial.
A promotora de Justiça Patricia Mothé Glioche Béze, que em mais de três horas, durante os debates, ratificou seu pedido de acusação, solicitou a exibição no plenário da filmagem de depoimentos em que apareciam, dentre outros, o miliciano Batman, o que foi atendido pela juíza. Após, os advogados dos réus, durante duas horas e meia, pediram a absolvição dos acusados. O Conselho de Sentençaacolheu as teses das defesas, absolvendo os acusados das imputações descritas na denúncia e na pronúncia. 

Um comentário:

  1. A VARA É PARA AS COSTAS DO TOLO!

    ENQUANTO MILICIANO E PEDÓFILO SÃO ABSOLVIDOS (CHICO BALA E CORONEL BM PERINEI), POLICIAIS E BOMBEIROS HONRADOS SÃO EXPULSOS DE SUAS CORPORAÇÕES POR REIVINDICAREM DIGNIDADE. QUEM É O GRANDE CULPADO DISSO? ORA, É O POVO BRASILEIRO! POR QUÊ? ESTA RESPOSTA ESTÁ NA CPI DE CARLINHOS CACHOEIRA!!!
    A PERGUNTA QUE NÃO QUER CALAR: O QUE O POVO BRASILEIRO ESTÁ FAZENDO SOBRE ESSE ÚLTIMO MEGA ESCÂNDALO NACIONAL (O BICHEIRO CARLINHOS CACHOEIRA LIGADO AO SENADOR DEMÓSTENES TORRES, À CONSTRUTORA DELTA E TODA A TRUPE DA CORRUPÇÃO)? QUE ATITUDE EFETIVAMENTE O POVO BRASILEIRO ESTÁ TOMANDO SOBRE ISSO? ...É DEVIDO A ESSA ATITUDE CONFORMISTA E APÁTICA QUE O POVO BRASILEIRO É CONHECIDO INTERNACIONALMENTE COMO 'UM POVO ALIENADO', E É POR ISSO QUE DIZEM NOS QUATRO CANTOS DA TERRA: "O BRASIL NÃO É UM PAÍS SÉRIO".
    MEDITAÇÃO: "O chicote é para o cavalo, o freio, para o jumento, e a vara, para as costas do tolo!" (Provérbios 26:3). Então, a grande maioria dos brasileiros não deve se queixar do "chicote" da corrupção política que há séculos nos açoita! MAS, COMO A ESPERANÇA É A ÚLTIMA QUE MORRE, TENHO ESPERANÇA DE QUE O BRASIL VAI MELHORAR, COM A GRAÇA DO BOM DEUS. AMÉM.

    ResponderExcluir