terça-feira, 21 de agosto de 2012

Acusado de comandar milícia, investigador 'Robocop' é demitido

Após um processo administrativo, o secretário de Segurança do Estado do Rio de Janeiro, José Mariano Beltrame, demitiu nesta terça-feira o investigador policial Wallace de Almeida Pires, conhecido como Robocop, pela prática de transgressões disciplinares. Wallace integrava uma organização criminosa que atuava na localidade de Gardênia Azul, em Jacarepaguá, na zona oeste da capital fluminense.
De acordo com a Secretaria de Segurança, a quadrilha da qual ele fazia parte exigia pagamento dos moradores e comerciantes locais, mediante ameaça e uso de violência. Além disso, o bando praticava a exploração de sinal clandestino de TV a cabo, de internet, de serviços de transporte coletivo alternativo e de fornecimento de botijões de gás.
Wallace atuava no comando desta milícia, juntamente com Cristiano Girão, então presidente da Associação de Moradores de Gardênia Azul e líder da quadrilha criminosa.

2 comentários:

  1. Os Policiais Militares e os Bombeiros Militares continuam recebendo salários miseráveis no Rio de Janeiro. O PM ganha por dia metade do que recebe uma diarista para fazer faxina!

    A greve dos agentes da PF completará duas semanas no dia 21 de agosto.

    Hoje, um salário-base de agente da Polícia Federal é de R$ 7.514,33 (sete mil, quinhentos e catorze reais e trinta e três centavos), valor que, segundo a categoria, está defasado.

    Se o referido valor está defasado, imagine o salário do Policial Militar do Rio de Janeiro!

    Piso salarial do PM e do BM deveria ser de, pelo menos, R$ 5.000,00 (cinco mil reais).

    O dinheiro público deveria ser utilizado para pagar os profissionais que prestam serviços essenciais à população, como Bombeiros e Policiais Militares. Um Estado que tem a segunda maior arrecadação de impostos do país poderia, ou melhor, deveria pagar aos "heróis sociais" cerca de R$ 5.000,00 (cinco mil reais) mensais, para cobrir as despesas básicas de sobrevivência, já que o custo de vida no Rio é altíssimo! A insatisfação das tropas da PMERJ e do CBMERJ, por ter o pior salário do Brasil e pelas péssimas condições de trabalho, é evidente!

    O Salário Mínimo Necessário, referente ao mês de Julho de 2012, foi estimado pelo DIEESE (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos) em R$ 2.519,97 (DOIS MIL, QUINHENTOS E DEZENOVE REAIS e noventa e sete centavos). Este deveria ser o SOLDO do Militar Estadual.

    http://www.dieese.org.br/rel/rac/salminMenu09-05.xml

    Este valor é levantado conforme determina a lei que estabeleceu o Salário Mínimo, o Decreto Lei 399 e a Constituição Federal em seu artigo 7º, inciso IV.

    Pagar dignamente não é um favor, é obrigação, senhor Governador!

    O que é feito com a segunda maior arrecadação de impostos do Brasil?

    Boa parte da verba pública está sendo desperdiçada em propagandas governamentais, que visam apenas conquistar votos para a próxima disputa eleitoral.

    ResponderExcluir
  2. Como deveriam ser os salários da PMERJ e do CBMERJ (valores aproximados)

    Recruta PM/BM: R$ 4.000,00
    Soldado PM/BM: R$ 5.000,00
    Cabo PM/BM: R$ 6.000,00
    3º Sargento PM/BM: R$ 7.000,00
    2º Sargento PM/BM: R$ 8.000,00
    1º Sargento PM/BM: R$ 9.000,00
    Subtenente PM/BM: R$ 10.000,00
    2º Tenente PM/BM: R$ 8.000,00
    1º Tenente PM/BM: R$ 9.000,00
    Capitão PM/BM: R$ 10.000,00
    Major PM/BM: R$ 12.000,00
    Ten Cel PM/BM: R$ 14.000,00
    Coronel PM/BM: R$ 16.000,00

    É o mínimo para se ter DIGNIDADE!

    ResponderExcluir