sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Arremesso de drogas e celulares por R$ 800 em Niterói

Menos de quinze dias depois de um suspeito de 34 anos ser preso tentando arremessar drogas e aparelhos celulares para dentro do Instituto Penal Edgard Costa, um homem foi preso e um menor apreendido cometendo o mesmo crime na tarde de quinta-feira.
Os suspeitos Anderson Luiz de Jesus, de 20 anos, e o menor T., de 17 anos, foram pegos em flagrante por policiais que estavam encobertos no ponto de ônibus, em frente ao presídio. A ação foi considerada ousada por parte dos bandidos pelo titular da delegacia de Homicídios Wellington Vieira, já que ao lado do instituto fica uma delegacia.
De acordo com o delegado, o suspeito Anderson Luiz de Jesus, de 20 anos, e o menor T., de 17 anos, receberam sinal, um aceno de mão, do terceiro suspeito, que estava parado em um bar, de camisa listrada vermelho-branco e boné preto do UFC. 
‘Serviço’ custaria R$ 800- Após a sinalização, os dois andaram até o muro do presídio, que possui 10 metros, e arremessaram no pátio. Quando foram pegos, Anderson e T. apontaram como contato dentro do instituto o preso Luiz Guilherme Miranda, vulgo ‘Ratinho’, de 26 anos, acusado de tráfico de drogas, de ser o interceptor da mercadoria. Em depoimento, Anderson afirmou que receberia R$ 800 pelo serviço, já o menor R$ 320. Eles também disseram o nome do comparsa deles, que conseguiu evadir do local. O fugitivo era quem estava ao celular em contato com o preso (Ratinho).”
Foram apreendidas em posse dos presos, 66 cápsulas de cocaína, 26 trouxinhas de maconha, nove celulares e sete chips de diversas operadores de telefonia móvel.

Um comentário:

  1. Caro moderador, vamos manifestar nossa indignação no site da câmara dos deputados. Foi aberta uma consulta pública sobre o tema descriminalização das drogas. Quem é contra isso, deve se manifestar, pois essa consulta pública está tomada de opiniões favoráveis à liberação. Vamos mostrar nossa indignação opinando sobre esse tema e pedindo para manter as drogas ilícitas como ilícitas, não dando brechas a usuários ou traficantes. Segue o link

    http://edemocracia.camara.gov.br/web/espaco-livre/forum/-/message_boards/view_message/950226

    ResponderExcluir