quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Bala perdida atinge mulher dentro de ônibus na avenida Brasil

Uma passageira de um ônibus foi atingida no tórax por uma bala perdida no início da noite desta quinta-feira (16) na avenida Brasil, nas proximidades da comunidade Vila do João, no Complexo da Maré, na zona norte do Rio de Janeiro.
Segundo a PM, traficantes da comunidade fizeram disparos contra policiais e um dos tiros atingiu a mulher, que foi levada para o Hospital Geral de Bonsucesso.
De acordo com a sala de polícia da unidade, Liliane dos Santos Tavares, de 24 anos, já foi operada, passa bem e está em um quarto da unidade

3 comentários:

  1. Mas o Rio de Janeiro não está "pacificado"???

    A greve dos agentes da PF completará duas semanas no dia 21 de agosto.

    Hoje, um salário-base de agente da Polícia Federal é de R$ 7.514,33 (sete mil, quinhentos e catorze reais e trinta e três centavos), valor que, segundo a categoria, está defasado.

    Se o referido valor está defasado, imagine o salário do Policial Militar do Rio de Janeiro!

    Piso salarial do PM e do BM deveria ser de, pelo menos, R$ 2.519,97 (dois mil quinhentos e dezenove reais e noventa e sete centavos).

    O Salário Mínimo Necessário, referente ao mês de Julho de 2012, foi estimado pelo DIEESE (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos) em R$ 2.519,97 (DOIS MIL, QUINHENTOS E DEZENOVE REAIS e noventa e sete centavos).

    http://www.dieese.org.br/rel/rac/salminMenu09-05.xml

    Este valor é levantado conforme determina a lei que estabeleceu o Salário Mínimo, o Decreto Lei 399 e a Constituição Federal em seu artigo 7º, inciso IV.

    Pagar dignamente não é um favor, é obrigação, senhor Governador!

    O que é feito com a segunda maior arrecadação de impostos do Brasil?

    ResponderExcluir
  2. Brasil: o país da impunidade para criminosos e da anistia para sonegadores.

    O recado para as futuras gerações pode ser resumido pelos Projetos de Lei 113/2003 e 5228/2005, de autoria dos ilustres deputados Luciano Castro e José Mentor respectivamente (é esse o tratamento que eles gostam...): soneguem, cometam o crime de evasão de divisas e escondam suas economias junto com recursos de traficantes, terroristas e ditadores corruptos (alguns “democratas” também...), em algum paraíso fiscal. Pois tudo será resolvido depois, com o perdão para repatriamento de recursos e sem confissão de culpa (uma espécie de termo de compromisso federal).

    Isso em um país onde dinheiro sujo paga conta de celular, compra geladeira e banca festa de formatura de esposa de senador, além de pagar honorários milionários de ex-ministro, provas gravadas não servem contra banqueiros baianos e imagens de governadores contando maços de dinheiro não mantêm criminosos na Papuda.... Haja mal feito para explicar para os nossos filhos....

    E ainda tem gente que tem a coragem de falar em efeitos educativos de acordos com criminosos. Tenho que concordar com Nelson Rodrigues: “consciência social do brasileiro é medo da Polícia”.

    ResponderExcluir
  3. Os Policiais Militares e os Bombeiros Militares continuam recebendo salários miseráveis no Rio de Janeiro. O PM e o BM ganham por dia metade do que recebe uma diarista para fazer faxina!

    Boa parte da verba pública está sendo desperdiçada em propagandas governamentais, que visam apenas conquistar votos para a próxima disputa eleitoral. O dinheiro que pagaria melhores salários aos Militares Estaduais está sendo gasto em publicidade enganosa!

    ResponderExcluir