domingo, 26 de agosto de 2012

Bandidos atacam viatura da PM e são perseguidos na avenida Brasil

Policiais do Bpve (Batalhão de Policiamento de Vias Especiais) foram atacados a tiros na madrugada deste domingo (26) por um veículo que não parou em uma blitz na avenida Brasil, na altura do bairro de Irajá, na zona norte do Rio de Janeiro. Após os disparos, o carro foi perseguido por diversas viaturas.
De acordo com a polícia, durante uma blitz, agentes sinalizaram para o veículo reduzir a velocidade e ele acelerou realizando diversos disparos em direção aos agentes. Os policiais revidaram e iniciou-se uma perseguição.
Durante a fuga, o carro perdeu a direção e bateu contra uma mureta de proteção. Quatro dos cinco suspeitos, que estavam no veículo, conseguiram fugir.
O suspeito que não o conseguiu fugir foi detido e encaminhado para a Delegacia de Irajá.

2 comentários:

  1. ASSALTO: PM DE UPP REAGE E MATA DOIS BANDIDOS

    PM de UPP reage a assalto e mata dois bandidos!

    Rio - Um PM lotado na UPP do Santa Marta, em Botafogo, reagiu a uma tentativa de assalto, na madrugada deste domingo, na Estrada do Mugango, no bairro Aliança, em Nova Iguaçu, na Baixada. O soldado, identificado como Rafael Camargo, de 27 anos, estava com a família no carro voltando de uma pizzaria quando foi abordado por bandidos, que exigiram que todos saíssem às pressas.

    O PM seguiu a ordem da dupla e deixou veículo. Segundos depois, surpreendeu os criminosos, sacou sua arma e matou dois. O terceiro conseguiu sair do carro e fugiu pelo mato. No fim da manhã de domingo, o elemento foi preso ao dar entrada numa UPA, na Baixada. O caso foi registrado na 56ª DP (Comendador Soares).

    ResponderExcluir
  2. Policial da UPP do Santa Marta reage a assalto e mata dois homens

    Um policial militar lotado na UPP do Santa Marta, em Botafogo, Zona Sul do Rio, reagiu a um assalto e matou dois homens na Estrada do Mugango, em Vila Aliança, Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. O soldado Rafael Camargo tinha acabado de sair do trabalho, por volta das 21h deste sábado.

    Depois de apanhar a mulher e o filho o policial, que dirigia um Sandero, foi abordado por três homens, ainda não identificados, que estavam em outro carro, armados. Os bandidos tinham entre 18 e 19 anos.

    O grupo retirou a família do veículo e, ao perceber que Rafael era policial, ficou nervoso. O soldado aproveitou a distração dos assaltantes e atirou. Dois homens morreram na hora e um terceiro fugiu pela mata. A família passa bem. Foram apreendidas uma pistola 380 e seis balas. O caso está na 56ª DP.

    ResponderExcluir