sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Oficial da PM e outros cinco são presos por morte de topiqueiro na Rocinha

Briga por comando de cooperativas de vans na Rocinha é a causa do assassinato do motorista da CoopAmigos, Marcelo de Souza Lima, de 28 anos, em abril deste ano. Ele foi morto na esquina das ruas General Caldwell e Frederico Silva, no Centro do Rio por dois homens que estavam em uma moto. De acordo com o delegado Henrique Damasceno, o crime foi motivado pela ganância dos criminosos por dinheiro. Após quatro meses de investigação, agentes da Delegacia de Homicídios (DH) e da Corregedoria da Polícia Militar, prenderam, ontem, cinco pessoas envolvidas com o crime. Um policial militar está entre os presos acusados de ter participação no crime. De acordo com a DH, o nome do subtenente da PM não foi divulgado para não atrapalhar as investigações.
Segundo o delegado responsável pela investigação, Henrique Damasceno, o policial fazia a cobrança de quem deixava de pagar à cooperativa. "As investigações irão continuar. Acreditamos que pode haver outros policiais envolvidos, por isso, achamos melhor não revelar a identidade para não alertar os seus comparsas.
As cooperativas faziam uma cobrança semanal de R$ 200 aos cooperados e este policial era quem atuava quando havia atrasos", explicou Damasceno.

Um comentário:

  1. Sr. CMT GERAL DA PMERJ, VOLTE A PAGAR A ETAPA DESTACADO DAQUELES QUE NÃO POSSUEM RANCHO EM SUAS OPMs. UM EXEMPLO É O CRSP, ONDE OS PMs NÃO POSSUEM RANCHO E O CFAP O RANCHO ACABOU JÁ FAZ TEMPO. É UM ABSURDO O PM NÃO TER RANCHO NA SUA OPM E TER QUE PAGAR PELA SUA COMIDA. OU PAGA A ETAPA PARA TODO MUNDO OU CORTA DE VEZ, POIS SEGUNDO INFORMAÇÕES, O CRSP NÃO SE ENCONTRA NA RELAÇÃO DE UNIDADES DESARRANCHADAS, MAS A MAIORIA CONTINUA RECEBENDO A ETAPA. ESSA É MAIS UMA COVARDIA QUE FAZEM COM OS PMs. ESPERAMOS QUE O Sr. CMT GERAL TOME UMA PROVIDÊNCIA E QUE AUTORIZE A VOLTA DA ETAPA NOS CONTRACHEQUES O MAIS BREVE POSSÍVEL, POIS SE NÃO ALGUÉM SERÁ RESPONSABILIZADO!!!

    ResponderExcluir