quinta-feira, 9 de agosto de 2012

PM "diz" que vai pagar gratificação do bico oficial em até 30 dias

A Secretaria estadual de Planejamento e a Polícia Militar anunciaram, nesta quinta-feira, que a partir de agosto deverá efetuar o pagamento da gratificação do Programa Estadual de Integração na Segurança (Proeis) em até 30 dias após a realização do serviço extra, também conhecido na tropa como bico oficial. Na edição de hoje, o jornal EXTRA revelou que a gratificação vinha sendo paga com atraso de 60 dias. Só entre os dias 1º e 23 de julho, 404 PMs faltaram pelo menos uma vez, na escala de serviço voluntário nos orgãos conveniados com a Secretaria de Segurança. Todos foram suspensos do programa. Quem mais sofreu com as faltas no período foi a prefeitura de Niterói, que registrou 180 ausências de PMs na escala de serviço. Já a CCR Barcas computou apenas uma falta. Alguns dos policiais faltosos, ouvidos pelo jornal, disseram que o não comparecimento ao trabalho ocorreu porque não haviam recebido o pagamento do mês de junho.
Segundo a Secretaria de Planejamento, o pagamento vem sendo feito em até 60 dias e que o dinheiro da gratificação de maio, dos policiais inscritos nos convênios com a Light e Supervia, por exemplo, foi depositado no dia 20 de julho. Os valores pagos do Proeis variam de acordo com o posto ocupado. Praças da PM recebem R$150 por turno máximo de oito horas trabalhado, enquanto oficiais recebem R$175. Apesar das alegações, o deputado Flávio Bolsonaro (PP), presidente da comissão de representação da Alerj, encarregada de acompanhar a implantação do Proeis e do Regime Adicional de Serviço (RAS), disse que vai cobrar explicações da Polícia Militar sobre os motivos do atraso do pagamento da gratificação aos praças.
- Vamos fazer uma reunião extraordinária para conversar com um representante da PM, encarregado de coordenar o Proeis e o RAS. Atrasar em um mês o pagamento da gratificação não é bom , mas é tolerável. Agora, atrasar em dois meses é uma falta de respeito com o policial. Vamos saber o que está sendo feito para que tudo isso seja corrigido - disse o deputado.

3 comentários:

  1. Então quem trabalhou na rio mais 20 em junho vai receber agora vinte de agosto?E se são R$ 150 por cada 8h de trabalho,quem trabalhou 12h vai receber R$ 225?Será??????????

    ResponderExcluir
  2. Quando trabalhamos para o "Portugues",não pagamos imposto de renda e tambem recebemos em dia.
    Agora gostaria de saber o CNPJ,de quem paga o PROEIS e o RAS,para pedir ressarcimento na declaração.Estão fazendo com os Policiais ,o mesmo que os BANCOS,fazem com os aposentados,ao dizerem que o INSS,não depositou os seus proventos.Tem gerente ganhando dinheiro as custas dos velhinhos,aplicando em fundos e mercado futuro.O MP,continua cego e surdo,mudo sempre esteve.

    ResponderExcluir
  3. Uma ação nobre do Deputado Bolsonaro,está sendo quebrantada e torpedeada,com intuito de desmoraliza-lo;porem a tropa sabe que os invejosos e incompetentes,de joelhos frente a este Desgoverno,continuam a puxar o saco,esquecendo o significado de ser Oficial.Quem é sabe,que vista a carapuça.

    ResponderExcluir