quinta-feira, 27 de setembro de 2012

CABO DA POLÍCIA MILITAR NÃO RECEBE PREMIAÇÃO

Cabo da policia militar mesmo com uma ficha disciplinar exemplar (apenas respondeu a um conselho disciplinar, devido ao movimento reivindicatório por melhores condições de trabalho e salário da corporação)  não teve direito a Premiação.
Cabo MARCO AURÉLIO trabalhou durante 12 anos no efetivo do 2º BPM, participando de maneira efetiva e operacional em todos os processos de pacificação na área do batalhão, como a primeira UPP do Rio de Janeiro no Morro Dona Marta, no Tabajaras, Tavares Bastos (onde hoje e o Bope) no Morro Azul e no Morro Santo Amaro, trazendo a paz e uma queda de 80% no índice de criminalidade.
Consequentemente colaborando com o merecido 1º  LUGAR do 2º BPM nas metas de diminuição de criminalidade.



JORNAL DO BRASIL
A Secretaria de Segurança do Rio de Janeiro promoveu na última terça-feira (25) no Teatro João Caetano, a cerimônia de premiação do Sistema Integrado de Metas e Acompanhamento de Resultados (SIM). Foram
 reconhecidos, com bônus em dinheiro, os policiais das unidades que mais reduziram os indicadores estratégicos de criminalidade no primeiro semestre de 2012. 

De acordo com a lista publicada no Diário Oficial, o Sistema Integrado de Metas premiará com R$ 9 mil os agentes de segurança da Área Integrada de Segurança Pública (AISP 2) por terem alcançado a primeira colocação com 105 pontos. Com isso, serão contemplados os policiais lotados no 2º BPM (Botafogo) e nas 9ª (Catete) e 10ª DP (Botafogo).
O segundo melhor resultado entre as Áreas Integradas foi da AISP 4, que compreende o 4º BPM (São Cristóvão), a 6ª DP (Cidade Nova), a 17ª DP (São Cristóvão) e a 18ª DP (Praça da Bandeira). Os policiais dessas unidades receberão o bônus de R$ 6 mil por terem alcançado 99 pontos.
A terceira posição ficou com AISP 38, que inclui o 38º BPM (Três Rios), a 107ª DP (Paraíba do Sul), a 108ª DP (Três Rios) e a 109ª DP (Sapucaia). Os policiais dessas unidades atingiram 93 pontos e receberão o bônus de R$ 4,5 mil de gratificação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário