segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Olheiros do tráfico monitoram movimentação da polícia no morro do Cajueiro

A equipe da Record flagrou "olheiros do tráfico" no alto da comunidade do Cajueiro, em Madureira, zona norte do Rio de Janeiro. Os criminosos conseguem monitorar a movimentação da polícia e avisar os comparsas através de rádios transmissores.

O serviço é feito 24 horas por dia. Durante a gravação, a reportagem também foi notada pelos bandidos. Depois do alerta, os homens se escondem e, em seguida, uma moto se aproxima para tentar intimidar o repórter cinematográfico.

Os criminosos do Cajueiro usam rádios transmissores simples, que podem ser encontrados por menos de R$ 100 em lojas de produtos eletrônicos. Com a tecnologia barata, eles criaram um sistema com pelo menos cinco pontos de observação.

O esquema seria chefiado por Alberto José de Sá Neto, conhecido como Albertinho ou Robertinho. O Disque-Denúncia oferece uma recompensa de R$ 2 mil por informações sobre o paradeiro do criminoso, que está foragido desde novembro de 2008. Seria dele a ordem para que os acessos ao morro sejam mantidos fechados.

Assista ao vídeo:



Nenhum comentário:

Postar um comentário