segunda-feira, 10 de setembro de 2012

Traficantes responsáveis pela morte de seis jovens teriam executado outro homem no fim de semana

Os traficantes da Favela da Chatuba, responsáveis pela morte dos seis jovens desaparecidos no último sábado em Mesquita, na Baixada Fluminense, também teriam executado um outro homem neste fim de semana. Alexandro Lima, de 37 anos, foi assassinado a tiros de fuzil neste sábado, enquanto fazia uma caminhada próximo ao Parque de Gericinó.
A motivação dos crimes, que teriam sido praticados a mando de Juninho Cagão e Ratinho, chefões do tráfico local, ainda não foi esclarecido. Mas a polícia acredita que os assassinatos foram apenas uma demonstração de poder dos traficantes. Os adolescentes mortos não tinham antecedentes criminais.
- Os adolescentes morreram simplesmente porque entraram no parque para tomar um banho de cachoeira - disse a delegada Sandra Ornellas da 57ª DP (Nilópolis).
Os corpos de Glauber Siqueira Eugênio, de 17 anos, Christian de França Vieira, de 19, Douglas Ribeiro da Silva, de 17, Vitor Hugo da Costa, de 16, e Josias Patrick Machado de Carvalho, de 16, foram encontrados às margens da Rodovia Presidente Dutra, no bairro Jacutinga.
A polícia também investiga a hipótese de que traficantes do Morro do Chapadão, em Anchieta, teriam buscado refúgio na Chatuba, sob a proteção de Juninho Cagão e Ratinho.

5 comentários:

  1. ué? cadê os direitos humanos,passeatas,imprensa.ah... não era a policia atuando ai, nem tem graça nè, são bandidos ,opm é facil tem até nome na camisa,viaturas,ficha,ts.endereço ,quem morreu era di menor !será que ninguém vai querer indenização? advogados vamos trabalhar será que vale apena? é tudo pobre. isso já é passado.

    ResponderExcluir
  2. Segundo escutei outro dia,a ordem e desorganizar todo o rio de janeiro,escutei issi de um motorista de taxi.

    ResponderExcluir
  3. como pode isso se fosse policias suspeitos de matarem esses jovens..teria investigação,pois quem matou foi marginais.da chatuba de mesquita.com ordem do chefe do trafico julinho cagâo,nacional,rato.bacalhau do chapadao..que rola porqui. eles andam na localidade, como fosse normal.sentimos coagidos com tudo isso. senhor secretario olhe ajude nossa comunidade.eles aqui no bicâo guando bicho pega eles entra pra mata do governo. tem muito bandido que vocês procura em casa dentro da mata..manda p2 investigar vao encontrar muita coisa la.. pode ter certeza so investigar..faça sua parte..senhor secretario..

    ResponderExcluir
  4. tem muita arma fuzil todos tipos aqui no bicâo bandido aos montes..ficamos com medo..chegou esses dias muita gente marginais aqui guando chegou tal nacional da condicional,teve muito tiro para alto. ele era do arara, e esta aqui no bicâo ja chegou matando pessoas..eles entram para mata e esconde armas tem casa dentro dos matos..no gericeno..onde jovens foram mortos,

    secretario olhe com carinho..pois morte do policial nâo pode ficar assim...

    ResponderExcluir
  5. e verdade, pois esta agora melhor por aqui, mas bandidos so muda de lugar.não pode eles estarem mas no bicao,mas esta no chapadao, e aqui na maria braga,estao vendendo drogas perto colegio pasgualle entre batista e elizeu..durante noite..perigo para nos que sairmos muito cedo para trabalhar..mas espero que policia resolva essa situação.. senhor secretario..obs; quem vende essa drogas aqui no local.ja foi preso como suspeito de parcitipar na chacina..mas foi liberado..esta aqui junto com outros vendendo drogas..por favor ajude nos nessa caminhada..

    ResponderExcluir