terça-feira, 15 de janeiro de 2013

Policial federal mata homem em suposto acidente de trânsito na Linha Vermelha

Um homem foi morto na Linha Vermelha, sentido Duque de Caxias, na altura do Parque das Missões, no início da tarde desta terça-feira. De acordo com as primeiras informações, ele dirigia o Fiat Brava, do Rio, quando se envolveu num acidente com Honda Fit, de Volta Redonda, conduzido por um policial federal que levava sua família.

Após a batida, houve bate-boca, e o motorista do Brava teria apontado uma arma de brinquedo para o policial, que reagiu e o matou. O Brava então, desgovernado, bateu na mureta de proteção da via.

Agentes da Polícia Federal estão no local. O policial envolvido na ocorrência foi legado para a 59ªDP (Caxias), onde o caso está sendo registrado.

A Linha Vermelha está engarrafada desde o início, perto do aeroporto, e Caxias.

6 comentários:

  1. Estória mal contada. Se fosse um PM estaria preso.

    ResponderExcluir
  2. História mal contade e ridícula,é evidente que esse policial federal atirou no outro que estava desarmado e inventou essa histórinha.Essa é para aqueles que acham que somente os policiais militares cometem erros.policiais federais e civis se acham superiores aos pms, mas também vivem se envolvendo em ocorrências que demostram despreparo. FALAR É FÁCIL...

    ResponderExcluir
  3. Aliás, não foi uma historinha,foi uma ESTORINHA, pois trata-se de um relato fictício... desculpem a falha...

    ResponderExcluir
  4. A VÍTIMA ERA AGENTE DO DESIPE E SEGUNDO O PAI DO MESMO, EM VIRTUDE DO VETO PELA PRESIDENTE DILMA ROUSSEFF DO PROJETO DE LEI QUE GARANTIA O PORTE DE ARMA AOS AGENTES PENITENCIÁRIOS FORA DO HORÁRIO DE SERVIÇO, O MESMO ATENDO A NOVA DETERMINAÇÃO, PAROU DE ANDAR ARMADO. E AGORA JOSÉ???

    ResponderExcluir
  5. "Assassinato" >>> crime hediondo.

    HOMICÍDIO DOLOSO QUALIFICADO!

    ResponderExcluir
  6. É, policial federal não deveria ter porte de arma.

    ResponderExcluir