sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

Traficante baleado ao trocar tiros com PMs obriga moradores a levá-lo pro hospital, mas acaba reconhecido e preso

Roberta Trindade

Cinco acusados de integrar a facção criminosa Amigos dos Amigos (ADA) e de ter envolvimento com o tráfico de drogas na Favela Vintém, em Padre Miguel, na Zona Oeste do rio, foram presos durante incursão do GAT do 14ºBPM. A ação teve início na manhã e terminou no final do dia de ontem.

Identificados como Cláudio Willian dos Santos Soares Correia, o Fósforo, 30 anos, Marcelo Cruz da Silva, o Ceasa, 39, Jacson dos Santos Cândido, o JC, 32, e Erisson Santos da Silva, o Maluquinho da Al Quaeda, 30, eles foram pegos na Rua Elizário de Souza após intenso confronto.

Com o grupo, os PMs apreenderam 260 pedras de crack, 335 sacolés de cocaína, 46 trouxinhas de maconha, 39 bolinhas de haxixe, 9 frascos de cheirinho da loló e dois rádios transmissores, além de um fuzil AK 47 e uma pistola Taurus 380.

O quinto acusado, Marlon Lorran Ferreira Rosário, o 40, 20 anos, foi reconhecido no Hospital Estadual Albert Schweitzer, em Realengo, para onde foi levado por moradores obrigados a socorrê-lo. Ele foi reconhecido pelos PMs como o criminoso que usava o fuzil durante a troca de tiros.

Um comentário:

  1. FALANDO EM HOSPITAL,É IMPOSSIVEL MARCAR CONSULTA NO HCPM OU POLICLINICA CASCADURA VIA TEL.SERÁ QUE ALGUÉM PODE SER RESPONSABILIZADO?OU SÓ O MANGO SEM COBERURA VAI PRESO?

    ResponderExcluir