segunda-feira, 3 de junho de 2013

Carro de soldado de UPP é atacado por bandidos no Complexo do Alemão

Ação ocorre um dia após apreensão de drogas na região - Um carro particular de um soldado da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) da Favela Nova Brasília, no Complexo do Alemão, na Penha, Zona Norte do Rio, foi atacado no início da tarde desta segunda-feira.
Criminosos de uma facção que controla o tráfico na região teriam lançado um coquetel de molotov contra o veículo, que estava vazio e estacionado na Rua Nova, próximo ao teleférico.
Segundo a assessoria da UPP, um policial militar avistou o carro pegando fogo e apagou as chamas com um extintor. Ninguém ficou ferido.
Ainda de acordo com a UPP, nenhum criminoso foi preso. O veículo ficou parcialmente queimado. Uma garrafa de molotov foi recolhida e encaminhada para a 22ª DP (Penha), onde o caso foi registrado. A autoria do crime está sendo apurada.
A ação que ocorreu no dia seguinte à apreensão de mais de 16 mil papelotes de cocaína, pode ter sido em represália à operação

2 comentários:

  1. O Governo do Estado do Rio de Janeiro, com a segunda maior arrecadação de impostos do Brasil, poderia pagar muito melhor os Bombeiros e Policiais Militares. Não está sendo respeitado nem o artigo 7º, inciso IV, da Constituição Federal de 1988, que visa suprir as necessidades vitais básicas. Segundo o DIEESE, o Salário Mínimo Necessário referente ao mês de Abril de 2013 foi estimado em R$ 2.892,47 (dois mil, oitocentos e noventa e dois reais e quarenta e sete centavos). O vencimento bruto do Soldado PM/BM no RJ atualmente é de apenas R$ 2.077,25 (está R$ 815,22 abaixo do referido piso). É fácil dar DIGNIDADE à tropa, basta querer! A VIDA DE MILITAR ESTADUAL É COMPLICADA (o risco é grande e o salário é insuficiente). Em menos de três meses, 8 policiais foram baleados em comunidades “pacificadas”!

    http://www.dieese.org.br/analisecestabasica/salarioMinimo.html

    O Governo do Estado do Rio de Janeiro precisa conceder apenas 39,25% de reajuste salarial para a PMERJ e o CBMERJ para cumprir o artigo 7º, inciso IV, da Constituição Federal de 1988, ou seja, para suprir as necessidades vitais básicas dos Militares Estaduais (pagar o Salário Mínimo Necessário aos Soldados PM/BM). É preciso oferecer o MÍNIMO DE DIGNIDADE aos integrantes da PMERJ e do CBMERJ. Como vamos sediar a COPA DO MUNDO de 2014 e os JOGOS OLÍMPICOS de 2016 se não conseguimos nem pagar um SALÁRIO DIGNO aos funcionários públicos que prestam SERVIÇOS ESSENCIAIS à população fluminense (Bombeiros e Policiais Militares)?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. RAPAZ,VC PRESTOU ATENÇÃO NA NOTICIA ACIMA? UM COLEGA POLICIAL MILITAR, TEVE O CARRO INCENDIADO POR BANDIDO.QUE A PM GANHA MAU É SABIDO E VC NÃO ACRESCENTA NADA COM SEU TEIMOSO COMENTÁRIO REPITIDO EM TODAS AS FASES.ACRECENTE ALGO NOVO, ÚTIL DEIXE DE SER MOITA. PRODUZA EM FAVOR DE SUA CLASSE.

      Excluir