terça-feira, 30 de julho de 2013

Corpo encontrado na Rocinha é de uma mulher

FONTE R7
O corpo encontrado na tarde desta terça-feira (30) em um valão na Rocinha, na zona sul do Rio, é de uma mulher. O cadáver estava em avançado estado de decomposição e a polícia tenta agora encontrar a identidade da vítima.
Com isso, seguem as buscas por Amarildo Dias, morador da comunidade que está desaparecido há 16 dias. Durante uma operação policial para combater o tráfico de drogas em 20 de julho, PMs levaram o pedreiro para uma averiguação, e, desde então, ele não foi mais visto.
A Divisão de Homicídios cogita a possibilidade de Amarildo estar morto. Pela manhã, policiais checaram denúncias de que o homem foi enterrado fora da comunidade.
A Coordenadoria de Direitos Humanos do Ministério Público também vai passar a investigar o desaparecimento. O promotor responsável pelo caso defende o afastamento do comandante da UPP da Rocinha, na zona sul, enquanto o crime não for esclarecido. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário