quarta-feira, 10 de julho de 2013

PM arma bloqueio na Praia de Botafogo, consegue prender os dois assaltantes e libertar as duas mulheres vítimas que estavam reféns

Dois homens foram presos nesta quarta-feira após perseguição, que começou na Urca e seguiu até o Aterro do Flamengo, na Zona Sul. De acordo com a PM, André de Souza Lopes, 41 anos, que usava identidade falsa em nome de Marcos Adriano da Silva Bioni, José Ricardo Passos da Silva, 38 anos, e um homem identificado apenas como Vitor, assaltaram uma residência na Rua Cândido Gaffrée, na Urca. Eles entraram na casa e roubaram jóias e R$ 3 mil em espécie. Os criminosos fugiram e levaram duas moradoras com eles. Policiais do 2º BPM (Botafogo) desconfiaram da atitude suspeita e realizaram cerco ao veículo.
Quando os ladrões chegaram na Praia de Botafogo e avistaram os bloqueios, fugiram deixando as reféns e tudo o que foi roubado. Eles tentaram fugir a pé, mas foram perseguidos por policiais  e acabaram presos. Durante a perseguição um policial efetuou disparos para o alto.
Na 10ª DP (Botafogo), onde o caso foi registrado, a dupla disse morar na Vila Vintém, em Padre Miguel, na Zona Oeste. Ninguém se feriu.
Segundo os agenfénstes, André assaltou um banco em Belém em 2001 e ficou nove anos preso. Ele também já roubou uma casa em Botafogo e tem outras passagens pelo crime. José tem quatro passagens por roubo e receptação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário