domingo, 17 de novembro de 2013

Policial militar é morto ao reagir a assalto em Itaboraí

O policial militar Paulo Vieira, de 32 anos, foi morto ao reagir a um assalto por volta da meia-noite desta sexta-feira, na Rio-Manilha, na altura de Itaboraí. Segundo agentes do 35º BPM (Itaboraí), onde o PM era lotado, Paulo estava de folga e dirigia um Saveiro quando foi abordado por dois homens armados. Ele foi levado por populares até a UPA de Manilha, onde faleceu. Os homens tiraram o corpo do carro e fugiram com o Saveiro. Uma equipe do Grupo de Apoio Tático (GAT) perseguiu os bandidos e houve troca de tiros. Um dos homens, ainda não identificado, foi morto. O outro, Douglas Pereira de Araujo, de 34 anos, foi baleado na perna e levado para o Pronto Socorro de Itaboraí. Depois, Douglas foi preso na 71ª DP (Itaboraí). De acordo com a PM, os homens já tinham cometido outros roubos na região. Eles foram encontrados com quatro relógios, dez celulares, um carregador, R$ 1.570, R$ 998 em moedas, 10 dólares, um anel de ouro, três alianças, uma carteira, uma máquina fotográfica e um cordão de ouro. Eles também estavam com um revólver calibre 38, uma pistola 380 e a pistola do policial. Leia mais:

2 comentários:

  1. Parabéns aos policias do GAT, a tropa não pode mais tolerar morte de policial militar! Deus conforte o coração da família que perdeu o policial.

    ResponderExcluir
  2. Dono da festa, Brasil é só o 24º país mais desenvolvido da Copa

    O Brasil vai gastar uma fortuna para organizar a Copa do próximo ano. Só em estádios serão cerca de R$ 10 bilhões. Muito dinheiro para quem não tem o básico!

    ResponderExcluir