terça-feira, 17 de dezembro de 2013

60% dos PMs de UPP estão insatisfeitos no trabalho


Sessenta por cento dos PMs locados em UPPs prefeririam trabalhar em outras unidades, segundo pesquisa do Cesec (Centro de Estudos de Segurança e Cidadania). A taxa foi apurada a partir do depoimento de 775 policiais em 2012. Segundo a responsável pela pesquisa, a socióloga Barbara Mourão, eles encontram dificuldades de vários níveis no trabalho policial nas favelas.
"Os motivos [para preferirem trabalhar em outros lugares] são muito variados: falta de identidade com o tipo de policiamento, desejo de estar mais perto de casa, a ideia de que fora da UPP teriam mais autonomia, melhores condições de trabalho", explicou Barbara, ressaltando, no entanto, que apenas 27% se dizem insatisfeitos na maior parte do tempo.
O desejo de atuar em outra área pode ter ainda ligação com a avaliação dos próprios agentes sobre a formação recebida. Metade deles não se consideram adequadamente preparados para o trabalho no projeto de pacificação, pelo qual 21% ainda revelam rejeição.
Dos 11 conteúdos propostos no questionário, os cinco itens com piores avaliações foram considerados os mais importantes no policiamento de proximidade. Entre esses, procedimentos para violência doméstica, mediação de conflitos e o armamento menos letal.

15 comentários:

  1. Tá putinho na pmerj? Peça baixa,tem um monte querendo o seu lugar! Ass: Oficial disciplinador.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo, pois a PMERJ não buscou ninguém em casa. Os insatisfeitos devem pedir baixa!

      Excluir
    2. SEMPRE o Mesmo Discurso !!! " Peça baixa,tem um monte querendo o seu lugar! "

      Vai se FuDer OFICIAL BOQUETEADOR..

      Sua Poliça é SINÔNIMO DE ATRASO !!!

      Excluir
  2. 60%?
    MENTIROSA ESSA PESQUISA!!!
    99,9999% ODEIA TRABALHAR NO MEIO DOS FAVELADOS!
    EU SOU UM QUE NÃO QUERO POR GRATIFICAÇÃO NENHUMA!

    ResponderExcluir
  3. oficial disciplinador ??? Larga de ser BESTA !!!

    ResponderExcluir
  4. Tá putinho na pmerj? Peça baixa,tem um monte querendo o seu lugar! Ass: Oficial disciplinador.

    ResponderExcluir
  5. Mas té de gnomo e papai noel os pms ~] se vestem

    http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2013/12/1387068-policiais-se-vestem-de-papai-noel-e-gnomo-durante-festa-em-favela.shtml

    ResponderExcluir
  6. como assim ? insatisfeitos ? nem são policiais, fizeram cfpa amamaezados e pegaram upp molezinha sem vagabundo ... deixem eles lá na upp, se vierem pra batalhão vão dar trabalho para o antigão ... além de tomarem esporro dos estrelas ... e fazerem merda atrás de merda ... não precisa nem de oficial disciplinador pra canetar esses recrutas ... qualquer um observa a incompatibilidade com o serviço ...

    ResponderExcluir
  7. Tá putinho na pmerj? Peça baixa,tem um monte querendo o seu lugar! Ass: Oficial disciplinador.

    ResponderExcluir
  8. Escândalo e Revolta no 10° BPM em Barra do Piraí

    Subcomandante da Unidade, Major Mauro, dentre outras arbitrariedades, protege de maneira exacerbada as policiais militares femininas, em especial a uma soldado trazida por ele do 22° BPM, Soldado Alessandra, que fica sob suas asas e não é escalada em nada, em nenhum extra ou operação, além de ser tratada de maneira diferenciada em relação até aos praças mais antigos.
    O cúmulo do absurdo, a referida policial recebe o auxílio transporte e por causa dela e somente dela, ele colocou uma viatura a disposição para levá-la e buscá-la em casa, preterindo inclusive oficiais do batalhão.
    Todos estão revoltados!!!
    Documentos estão sendo elaborados e serão enviados para o Ministério Público local e CINTPM, afinal o mesmo está cometendo "improbidade administrativa", pois é o ato ilegal ou contrário aos princípios básicos da Administração Pública, cometido por agente público, durante o exercício de função pública ou decorrente dest, é aquele impregnado de desonestidade e deslealdade.
    É caracterizada, sucintamente, pela violação aos princípios da moralidade, impessoalidade e economicidade e enriquecimento ilícito no exercício, conforme previsto por lei.
    AS praças estão de olho, pois os oficiais nada podem fazer, mas as devidas medidas serão tomadas, pois além do alicerce da corporação: HIERARQUIA E DISCIPLINA, há os princípios a serem seguidos pela Administração pública: LEGALIDADE, IMPESSOALIDADE, MORALIDADE, PUBLICIDADE e EFICIÊNCIA!!!!!

    ResponderExcluir
  9. Governo do Estado investe muito pouco na área de segurança pública.

    Pagar bem é fundamental para manter nas instituições pessoas qualificadas e comprometidas com o serviço público.

    BOMBEIRO E POLICIAL MILITAR DO RIO DE JANEIRO NÃO TÊM DIGNIDADE.

    Os integrantes da Polícia Militar (PMERJ) e do Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro (CBMERJ) precisam, antes de tudo, receber um salário digno, compatível com as funções que exercem. Nenhum Militar Estadual deveria receber abaixo de R$ 5.000,00 (cinco mil reais) mensais!

    Como vamos sediar a COPA DO MUNDO de 2014 e os JOGOS OLÍMPICOS de 2016 se não conseguimos nem pagar um SALÁRIO DIGNO aos funcionários públicos que prestam SERVIÇOS ESSENCIAIS à população (Bombeiros e Policiais Militares)???

    ResponderExcluir
  10. Vai toma no cu, na upp tem muito policial bom e claro q tem os ruins, mas tem muitos q dao de 10 a 0 em muitos antigao. Ja trabalhei na upp e sai de la a um tempo a trasd e fui mandado pra um batalhao. Trabalhei com um antigao q na rua parecia q eu era o sargento e ele o soldado.

    ResponderExcluir
  11. Vai toma no cu, na upp tem muito policial bom e claro q tem os ruins, mas tem muitos q dao de 10 a 0 em muitos antigao. Ja trabalhei na upp e sai de la a um tempo a trasd e fui mandado pra um batalhao. Trabalhei com um antigao q na rua parecia q eu era o sargento e ele o soldado.

    ResponderExcluir
  12. Vai toma no cu, na upp tem muito policial bom e claro q tem os ruins, mas tem muitos q dao de 10 a 0 em muitos antigao. Ja trabalhei na upp e sai de la a um tempo a trasd e fui mandado pra um batalhao. Trabalhei com um antigao q na rua parecia q eu era o sargento e ele o soldado.

    ResponderExcluir
  13. Vai toma no cu, na upp tem muito policial bom e claro q tem os ruins, mas tem muitos q dao de 10 a 0 em muitos antigao. Ja trabalhei na upp e sai de la a um tempo a trasd e fui mandado pra um batalhao. Trabalhei com um antigao q na rua parecia q eu era o sargento e ele o soldado.

    ResponderExcluir