terça-feira, 10 de dezembro de 2013

Prisões administrativas

5ª REUNIÃO ORDINÁRIA - ALERJ - 04/12/2013
Comissão especial criada para sugerir mudanças nos regulamentos disciplinares da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros debateu as prisões administrativas. O presidente da comissão, deputado Flavio Bolsonaro, disse que uma pesquisa apontou que as prisões arbitrárias ou por razões fúteis são as principais causas da desmotivação da tropa. 

3 comentários:

  1. Soldo muito baixo também causa desmotivação da tropa.

    Seria muito melhor o Governo do Estado do Rio de Janeiro pagar decentemente os Bombeiros e Policiais Militares do que oferecer promoções por tempo de serviço. O importante é ter um salário digno, pois não se faz compras com divisas! Outra coisa, as promoções deveriam ser conquistadas através da realização de concursos internos para o CFC, o CFS e o CAS. Não faz sentido promover um profissional automaticamente, sem avaliá-lo. O concurso é a maneira mais justa de premiar os bons militares e de incentivar o estudo nas corporações. O menor salário não deveria ser abaixo de R$ 5.000,00 (cinco mil reais) mensais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não devemos esquecer que a PMERJ não disponibiliza tempo para que os policiais militares estude.

      Excluir
  2. fiquei praticamente detido 3 dias por ter me machucado,,,o medico me deu 5 dias de atestado e eu tive q cumprir os 3 primeiros dias na opm, sem condiçoes de me atender devidamente...legal isso né..

    ResponderExcluir