terça-feira, 6 de maio de 2014

Uma colisão entre um trem e um Fusca acabou em tragédia em Japeri.

ROBERTA TRINDADE 
 

O agente penitenciário André Maciel, 35 anos, morreu após ter seu carro arrastado por um trem por cerca de 100 metros na estação de Engenheiro Pedreira, em Japeri, na Baixada Fluminense, na manhã desta terça-feira, dia 6 de maio.
Ele saía de serviço na Cadeia Pública Cotrim Neto, no Complexo Penitenciário de Japeri, e passou com seu Fusca pela cancela existente na passagem de nível. Testemunhas contaram a policiais do Grupamento de Polícia Ferroviária (GPFer) que apesar do sinal tocar, ele achou que daria tempo de atravessar

3 comentários:

  1. MAIS UM CEL PM 43MIL QUE SE DÁ BEM!6 de maio de 2014 22:54

    A POLÍCIA É DELES!!!

    ATO DO SECRETARIO DE ESTADO CHEFE
    DE 05 DE MAIO DE 2014
    O SECRETÁRIO DE ESTADO CHEFE DA CASA CIVIL, no uso das atribuições que lhe foram concedidas de acordo com a delegação de competência prevista no artigo 1º, inciso VIII, do Decreto nº 40.644/2007, e tendo em vista o que consta do Processo Administrativo nº E-09/090/127/2014,
    RESOLVE:
    REFORMAR AMAURY SIMÕES, CORONEL PM, RG 43.584, com fundamento nos arts. 102, II e 104, inciso IV, da Lei nº 443/1981, a contar de 7 de abril de 2014, data do laudo pericial da Junta Superior de Saúde.



    MAIS UM CORONEL QUE NÃO VAI DESCONTAR IMPOSTO DE RENDA, E SE TIVER ALGUM BEM FINANCIADO O MESMO SERÁ QUITADO!

    ResponderExcluir
  2. Esse cel acabou de falecer.

    ResponderExcluir
  3. Quanta injustiça e ignorância no comentário acima. Só por ser Cel.não pode ser reformado?? Já consideram benefício. Pois bem, o reformado em questão não "curtiu" nem 10 dias da reforma e faleceu. As pessoas tem que parar de julgar sem ter conhecimento da situação.
    Meus pêsames à família.

    ResponderExcluir