quinta-feira, 3 de julho de 2014

IPM 'absolve' oficial da morte do Amarildo

JORNAL O DIA 


O Inquérito Policial Militar (IPM) ‘absolveu’ o major Edson dos Santos da acusação de ter cometido crime militar no caso do desaparecimento e morte do pedreiro Amarildo de Souza, de 48 anos, em 14 de julho do ano passado. O oficial era suspeito de ter participado de ação montada para duas testemunhas mentirem em depoimento e sustentarem que a vítima fora assassinada pelo tráfico de drogas. Para a PM, no entanto, só o terceiro sargento José Augusto Lacerda, o soldado Newland Júnior e o soldado Bruno Athanázio foram os responsáveis pelo crime de corrupção a testemunhas. Eles serão avaliados ainda por Processo Administrativo Disciplinar (PAD).
O inquérito determinou ainda que o homem de confiança do major Edson, o soldado Rodrigo Avelar, infiltrado na operação Paz Armada, que prendeu Amarildo, seja investigado pelo desaparecimento de cinco fuzis. Ex-comandante da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) da Rocinha, local onde a vítima foi capturada, o oficial está preso, com outros 12 PMs, acusados de envolvimento no crime. Na 35ª Vara Criminal, o oficial responde por tortura, ocultação de cadáver, formação de quadrilha e fraude processual, por ter agido em conjunto com os subordinados para subornar testemunhas. Do total, 25 são réus na Justiça comum
A solução do inquérito, chancelada pelo comandante da PM, José Luís Castro, e o corregedor, Sidney Camargo, ainda vai passar pelo crivo do Ministério Público que atua junto à Auditoria de Justiça Militar. Na própria PM não houve consenso sobre a ‘absolvição’ do major Edson. No documento, publicado no Boletim Interno da corporação, o encarregado do inquérito, major Fábio de Sá Romeu, entendeu que o major Edson participou com outros policiais do crime contra a Administração da Justiça Militar.
Durante as investigações, o encarregado também foi ofendido pelo terceiro sargento Jeferson Kleber Ferreira, do Batalhão de Operações Especiais (Bope), que terá que se defender da acusação. De acordo com a assessoria de imprensa da PM, parte do procedimento administrativo, que define se um policial vai ser excluído da corporação, ainda será concluído. Com relação aos oficiais, o processo administrativo é feito na estrutura da Secretaria de Segurança. Porém, a demissão depende de processo que tramita na Seção Criminal, do Tribunal de Justiça.
Cinco fuzis desaparecidos
Peça-chave no esquema montado na operação Paz Armada, que tinha objetivo de combater o tráfico de drogas na Rocinha, o soldado Rodrigo Avelar vai ter que dar explicações sobre o desaparecimento de cinco fuzis, que estariam em poder de traficantes. A abertura de sindicância foi feita no Inquérito Policial Militar.
Avelar não vai ser punido por falso testemunho. É que ele prestou depoimento na 15ª DP (Gávea) alegando ter recebido ligação do traficante identificado como Thiago da Silva Mendes Neris, o Catatau, avisando que Amarildo teria sido morto pelo tráfico de drogas. Ele modificou o depoimento na 8ª Delegacia de Polícia Judiciária Militar (DPJM), alegando que não sabia de quem havia recebido a ligação.
Na realidade, Avelar havia falado pelo telefone com Marlon Campos Reis, que estava ao lado do soldado Douglas Vital: ambos também estavam lotados na UPP da Rocinha.
Pressões ao encarregado do inquérito
Não faltaram pressões sobre o encarregado do Inquérito Policial Militar, major Fábio de Sá Romeu, segundo o que foi publicado no Boletim da corporação. Segundo o documento publicado ontem, durante as investigações, o primeiro sargento Marco Antônio Pires do Carmo descreveu que em 10 de dezembro de 2013, um Peugeot 206, cuja placa não foi anotada, com dois homens, rondou a casa do major.
Além disso, durante a apuração, o terceiro sargento Jeferson Kleber Ferreira, do Batalhão de Operação Especiais, teria feito comentários impróprios sobre o trabalho de investigação do caso Amarildo, em 5 de novembro do ano passado. A conduta do militar será avaliada disciplinarmente. A PM já determinou que ele apresente sua defesa.

22 comentários:

  1. ENQUANTO EXISTIR PRAÇAS SUJEITOS A FAZER TUDO PARA AGRADAR OFICIAL VAI SER SEMPRE ASSIM , O OFICIAL É SEMPRE INOCENTE E A CULPA CAI TODA NO IDIOTA DO SOLDADO . ESSA POLÍCIA MILITAR É DOS OFICIAIS ,ELES FAZEM O QUE QUEREM E OS IDIOTAS DOS PRAÇAS AINDA BABAM OS OVOS DESSE PULHAS.

    CABE AOS PRAÇAS ACABAR COM ESA POUCA VERGONHA.

    ResponderExcluir
  2. COMO SEMPRE O PRAÇA ENTRANDO COM O C*, É SEMPRE A MESMA HISTÓRIA DE PROTEÇÃO AO OFICIALATO

    ResponderExcluir
  3. Vamos ver se ele vai ser absolvido na esfera criminal. MP e TJ partem para cima dele.

    ResponderExcluir
  4. EU JÁ SABIA!!!!!!!!!!3 de julho de 2014 12:05

    A 205 ANOS QUE É ASSIM, E SEMPRE SERÁ ASSIM!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  5. QRO Q SE FODA!!!3 de julho de 2014 12:23

    -É O CHAMADO!
    -CORPORATIVISMO!
    -ISSO É BEM FEITO, PARA AQUELES QUE SÃO "PENCA DE OFICIAL" ENTENDAM QUE OFICIAL SÓ USA O PRAÇA, QUANDO A "MERDA VOLTA PRO CÚ" ELES (OS OFICIAIS) CONTAM COM OS "SEUS PARES"(OFICIAIS) PARA "SALVA-LOS"!
    -E AGORA QUEM PODERÁ AJUDAR OS PRAÇAS QUE FIZERAM ESTA MERDA COM O TRAFICANTE AMARILDO?
    -SERÁ O CHAPOLIN COLORADO?
    -EU CONTINUA NA MESMA!!! #SOU100%OMISSO!!!
    -PRA MIM SÓ ME INTERESSA O SEGUNDO DIA DO MÊS!!!
    -O RESTO?BEM!O RESTO QUE SE FODA!!!

    ResponderExcluir
  6. VEJAM ESTE VÍDEO DO GAROTINHO X CMT GERAL EMIR RIBEIRO E TIREM SUAS PRÓPRIAS CONCLUSÕES,VALE A PENA VER!

    http://www.youtube.com/watch?v=zeP4TwE2weQ

    ResponderExcluir
  7. Realista,

    Aehhhh, uhu, aplausos, e mais uma vez um praça se fudendo! Isso aí, continuem na PM otários, vc´s serão os próximos a serem os buxas!

    ResponderExcluir
  8. Não me surpreendi em nada, o que me deixaria realmente surpreendido é um IPM condenando oficial.

    ResponderExcluir
  9. NESSE PAÍS, SÓ OS PAUS MANDADOS LEVAM A CULPA. A FAMÍLIA DO GANÇARILDO JÁ FEZ ACORDO COM O ESTADO, E RECEBEU UMA GORDA INDENIZAÇÃO. EU QUERO VER SE VÃO SE MANIFESTAR AGORA, COM ESSA DECISÃO.

    ResponderExcluir
  10. Bem se tudo correr com lisura e se o major for culpado, esse IPM só serviu para punir o praça, pois o Amarildo não tem vinculo com a PM, então o caso e´da Justiça Comum, Tribunal do Juri e segue a diante com a exclusão do major e sua prisão, ou seja, IPM para limpar Bumbum, dar satisfação idiota e punir o praça, mas a decisão final sobre o major, cabe ao DELEGADO DE POLICIA, MINISTÉRIO PÚBLICO E AO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, Obrigado PMERJ.

    ResponderExcluir
  11. Irmãos, vim informar aos Senhores que, 3 dias atrás entrei no Blog SOS BOMBEIROS e vi que muita gente estava postando que os POLICIAIS MILITARES estão apoiando o candidato Garotinho. Coloquei vários comentários informando o quanto o Garotinho foi RUIM para a PMERJ, informei aos bombeiros(que por sinal estão muito empolgados pelo fato de ter o MAJOR bombeiro na chapa do Garotinho) que a PMERJ tem vergonha na cara! Que Garotinho nunca mais!!! Irmãos, o Blog SOS bombeiros não postou nenhum dos meus comentários, só está postando comentários que sejam a favor do garotinho. Estranho isso né? O Blog deveria ser imparcial...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eles estão unidos. Pediram ajuda da polícia e não tiveram. Pelo contrário, o BOPE foi para bater neles.
      A sociedade está com os bombeiros depois daquele episódio.

      Excluir
    2. É mesmo anônimo das 20:29, não diga que lá estão censurando suas mensagens?? Aqui,também. é a mesma coisa. Duvido se esta mensagem minha irá ser postada. Tudo a mesma coisa, só muda o blog. Não se preocupe com o blog dos BM's, não. Nós estamos esperando cair do céu nosso aumento. Sabe de nada, inocente.

      Excluir
    3. Não sei se você sabe, mas existe dois SOS BOMBEIROS

      Do Daciolo que é o oficial
      http://www.sosbombeiros.com/

      Do Márcio Garcia
      http://www.sosbombeirosrj.com/2014/04/marcio-garcia-pre-candidato-bombeiro.html

      Excluir
    4. Caramba...é cada comentário que nós lemos. O anônimo das 00:29 só digitou besteira. Dizer que o bope foi chamado para bater nos BM's é foda. Ocupar um Quartel em que a tropa é desarmada é mole, queria ver invadir a cidade da polícia civil ou enfrentar a PF quando estiveram nas ruas reivindicando por melhores salários, aí nesta situação, ninguém chamou o bope. Vamos acordar puliçada!!!

      Excluir
  12. Rio - Os 426.498 servidores ativos, aposentados e pensionistas do Estado do Rio que foram contemplados com reajustes concedidos pelo governo já podem conferir os índices de correção por categorias e quando os novos valores serão depositados (confira a tabela). Entre as classes com maior quantitativo, a Segurança Pública detém os aumentos médios mais elevados. Na Polícia Civil, por exemplo, serão 63% pagos em cinco parcelas anuais a partir de janeiro de 2015.
    Na Polícia Militar, o reajuste médio é de 40%. No Corpo de Bombeiros, 38%. Delegados tiveram correção média de 16% e inspetores penitenciários, de 17%. Os militares conquistaram a incorporação da gratificação por qualificação que não era usada para cálculo do pagamento dos triênios e também não era levada para a aposentadoria. Portanto, os principais beneficiados serão aposentados e pensionistas, que terão o valor cheio de R$ 350 incorporado aos benefícios.
    E O BOMBEIRO E O PM SEMPRE LEVANDO A PIOR......
    FONTE O DIA. http://odia.ig.com.br/noticia/rio-de-janeiro/2014-07-04/sai-a-lista-de-reajustes-dos-servidores-do-estado.html

    ResponderExcluir
  13. GOSTANDO OU NÃO DO GAROTINHO.....SABEMOS DAS DIFICULDADES DE CONSEGUIRMOS MELHORIAS JUNTO AO GOVERNO......COM UM DOS NOSSOS AO LADO DO GOVERNADOR, A ESPERANÇA É QUE CONSIGAMOS UM ALGO A MAIS.......AINDA MAIS SENDO O MARCIO GARCIA UM CARA ÍNTEGRO EM QUEM PODEMOS CONFIAR......

    ResponderExcluir
  14. Esse é um país vergonhoso. Eu sempre torço contra PMs covardes, abusados, extorquidores e assassinos. Vai lá pracinhas, continuem apoiando esses monstros. Quero ver se eles ajudam vocês quando o negócio começar a esquentar.

    ResponderExcluir
  15. garotinho,tu ta de sacanage

    ResponderExcluir
  16. ISSO PORQUE VOCÊ É UM MERDA, QUE SE SATISFAZ EM VER UM FODIDO IGUAL A VOCÊ, QUE VEM DA MESMA CLASSE SOCIAL EM QUE VOCÊ PERTENCE SER PRESO, EM QUANTO OS COMANDANTES, QUE MANDAM SE BENEFICIAM COM A CORRUPÇÃO NA POLICIA, NÃO SOFREM QUALQUER PUNIÇÃO. SE VOCÊ QUE POSTOU ESSE COMENTÁRIO, TIVESSE ALGUMA INTELIGENCIA, SABERIA QUE EXEMPLO VEM DE CIMA, E QUE ISSO NÃO VAI MUDAR, EM QUANTO NÃO PREDER TODOS QUE GANHA COM ESSA CORRUPÇÃO INCLUSIVE OS POLÍTICOS DESSE PAÍS.

    ResponderExcluir
  17. VEREADOR MARCIO GARCIA SE VENDEU AO CARGO DE VICE GOVERNADOR, NÃO VAI APITAR NADA,SERÁ UMA FIGURA MERAMENTE ILUSTRATIVA NO GOVERNO DESTE PILANTRA CHAMADO GAROTINHO,QUEM COM PORCOS SE JUNTA FARELOS COME.

    ResponderExcluir
  18. Todos estão falando do Marcio Garcia, mais em quem vamos acreditar, A nossa luta não pode ter diferença ou colocamos alguém, ou vamos continuar na escuridão, nunca tivemos um representante no Governo agora que podemos colocar vamos lutar por isso, temos que pensar em nossas famílias.
    Luiz Fernando Pezão (PMDB). Miro Teixeira (PROS), Lindberg Farias (PT), Marcelo Crivella.

    Você escolhe ou fica na escuridão ou procura a luz. PM E BM.

    ResponderExcluir