terça-feira, 15 de julho de 2014

Pezão pede rigor nas investigações contra PMs agressores

JORNAL O DIA 

'Não compactuo com violência', disse o governador

  O governador Luiz Fernando Pezão determinou rigor nas investigações para identificar e punir os policiais militares acusados de terem agido com violência contra jornalistas e manifestantes durante protesto contra os gastos para a Copa do Mundo, no domingo, na Praça Saens Penã, na Tijuca.
A determinação foi dada ao comandante da corporação, coronel José Luis Castro, e ao secretário de Segurança Pública, José Mariano Beltrame. Um Inquérito Policial Militar foi aberto para apurar os atos de violência praticados.
“Não compactuo com violência, seja ela praticada por agentes públicos ou por pessoas que tentam se aproveitar de manifestações democráticas para causar tumulto, danos e transtornos ao Rio. Determinei ao coronel Castro e ao secretário Beltrame rigor nas investigações”, afirmou Pezão.

10 comentários:

  1. A constituição federal no Brasil deve ser Fantasia, pois o filho do Pelé foi condenado a 33 anos de prisão por tráfico de droga foi solto para responder em liberdade, vários policiais estão sendo preso por crime de MENOR POTENCIAL OFENSIVO, LESÃO CORPORAL!!!

    ResponderExcluir
  2. uái ! manda esses parlamentares que vcs.vão votar, propor a desmilitarização, que isso termina. vai tudo para justiça comum. confecciona o r o.e o agressor vai para casa. igual ao P I.

    ResponderExcluir
  3. Olha, respeito os bons PMs. Mas esses caras aí que chutam a cabeça dos outros gratuitamente nem era para tá na polícia. Ah meu já chega. O que são capazes de fazer em locais desertos e escuro?
    Esse agressores se deram mal, pensaram que todos os jornalistas estariam mais perto dos estádios, Fan Fest cobrindo a Copa.

    ResponderExcluir
  4. Vergonha mesmo...joaquim barbosa vai fazer falta!!!

    ResponderExcluir
  5. Ué porque ele não pede Rigor nas DENÚNCIA CONTRA O" BELTRAME," ele contua como secretário de segurança pública, o pezão responde a ações de improbidade administrativa e não estamos vendo nenhum rigor, na apuração!

    ResponderExcluir
  6. O PM tá estressado,com tudo de ruim nessa corporação,com escala escravidão,ainda colocam o PM pra trabalhar na folga,acontece isso aí,mas o governo não quer enxergar,é mais fácil punir o praça,não querem segurança pública de qualidade.
    Escala 24 X 72 pra toda PMERJ e RAS somente o voluntário.....e o RAS carnaval 2014 até hoje não recebi....paga o que deve PEZÃO...

    ResponderExcluir
  7. Governador cadê o rigor no caso do seu secretário de segurança, para de conversa fiada!

    ResponderExcluir
  8. Compactua com o Ilmo. secretário de segurança acusado de improbidade administrativa?????Pede pra sair!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  9. Gostaria que PEZÃO tivesse mais rigor em tratar uma tropa de mais ou menos 40 mil votos, fora os familiares, COM MAIS DIGNIDADE, porque ele desse jeito esta perdendo, já que ele não pode ou não quer dar aumento, de melhoria de serviço, EX: ESCALA DE SERVIÇO ADEQUADA, E PADRONIZADA, FIM DO RANCHO, ETC... ISSO VC PODE FAZER.

    ResponderExcluir