domingo, 1 de março de 2015

Policiais militares esperam desde maio do ano passado por perícia de auxílio-invalidez


As regras de concessão do auxílio-invalidez para os policiais militares mudaram em maio do ano passado. Mas, mesmo nove meses depois da alteração, que deveria beneficiar a categoria, muitos PMs ainda não viram essa melhoria na prática. O benefício, no valor de R$ 3 mil mensais, era pago apenas para cadeirantes, mas foi ampliado para quem teve membros amputados ou adquiriu alguma incapacidade física ou mental permanente, que tenha tornado o policial incapaz para exercer qualquer trabalho. No entanto, muitos PMs ainda aguardam o chamado para fazer uma perícia médica.
— Dei entrada no pedido do auxílio em 6 de maio de 2014, assim que a lei mudou, mas, até hoje, aguardo a perícia. Damos o sangue pela corporação e somos tratados desse jeito — lamentou um sargento da PM, que preferiu não se identificar. 
Ele foi aposentado por invalidez em 2001, após levar dez tiros e ter que colocar uma prótese no lugar do fêmur esquerdo. Atualmente, o policial gasta, todos os meses, mais de mil reais em remédios e cerca de R$ 550 com o plano de saúde. 
— Tenho que recorrer a empréstimos — afirmou. 
A Polícia Militar informou que uma nova perícia médica é necessária, mesmo para quem já é reformado por invalidez, para averiguar se o aposentado se enquadra nos requisitos para a concessão do benefício. Ainda segundo a corporação, cerca de 150 pessoas estão na fila de espera da perícia. Após o exame, se for constatado que o PM tem direito ao auxílio, a Diretoria de Cadastros e Pagamentos faz o cadastro em até uma semana, e o pagamento é feito num prazo de 30 a 45 dias. A invalidez tem que ter sido causada por um acidente ou uma doença ligada diretamente ao trabalho do PM. 
Presidente da Associação de Reabilitação da Polícia Militar (ARPM), o cabo Walter Calixto de Oliveira sugere um mutirão para agilizar a realização das perícias médicas: — A procura aumentou muito (com a mudança na lei). É preciso reconhecer o valor desses homens que deram a sua contribuição. Vanderlei Ribeiro, presidente da Associação de Praças da PM e do Corpo de Bombeiros (Aspra) pretende discutir o tema numa reunião com o comando da corporação, após o carnaval.

26 comentários:

  1. Policiais Militares esperam, desde quando ingressaram na PMERJ, por um SALÁRIO DIGNO!

    O salário do Policial Militar do Estado do Rio de Janeiro está defasado. Menor salário da PMERJ e do CBMERJ deveria ser de R$ 3.118,62, afirma DIEESE. O salário do Soldado está em torno de R$ 2.382,00. A defasagem salarial é de R$ 736,62!

    O piso salarial da categoria (Militares Estaduais), em janeiro de 2015, deveria ter sido de R$ 3.118,62 (três mil, cento e dezoito reais e sessenta e dois centavos), de acordo com o DIEESE (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos). No entanto, o valor continua insuficiente para suprir as necessidades vitais básicas de um Soldado da Polícia Militar ou do Corpo de Bombeiros. Todos os meses, o DIEESE calcula qual seria o salário mínimo necessário com base nos preços da cesta básica.

    O recruta (Aluno do CFSd) já deveria ingressar nos quadros da PMERJ ou do CBMERJ recebendo o referido valor (R$ 3.118,62).

    A Constituição da República Federativa do Brasil, promulgada em 5 de outubro de 1988, define o salário mínimo como aquele fixado em lei, nacionalmente unificado, capaz de atender às suas necessidades vitais básicas (do trabalhador) e às de sua família com moradia, alimentação, educação, saúde, lazer, vestuário, higiene, transporte e previdência social, com reajustes periódicos que lhe preservem o poder aquisitivo, ...¨(Constituição Federal, art. 7o - IV). Para calcular o Salário Mínimo Necessário, o DIEESE considera o preceito constitucional de que o salário mínimo deve atender às necessidades básicas do trabalhador e de sua família e que é único para todo o país. Usa como base também o Decreto lei 399, que estabelece que o gasto com alimentação de um trabalhador adulto não pode ser inferior ao custo da Cesta Básica Nacional.

    O Salário Mínimo Necessário, calculado mensalmente como uma estimativa do que deveria ser o salário mínimo vigente é, também, um instrumento utilizado pelos sindicatos de trabalhadores para denunciar o descumprimento do preceito constitucional que estabelece as bases para a determinação da menor remuneração que vigora no país. O valor atual do Salário Mínimo Necessário é R$ 3.118,62 (três mil, cento e dezoito reais e sessenta e dois centavos).


    O Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos é uma criação do movimento sindical brasileiro. Foi fundado em 1955 para desenvolver pesquisas que fundamentassem as reivindicações dos trabalhadores.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. TA DIFICIL AMIGO,DESDE 1982 DESCONTO HCPM-RIO FORÇADO SE NAO ASSINA-SE NAO IRIA USAR O HOSPITAL E FUTURAMENTE SE CASASSE MEUS DEPEDENTES NAO USARIA O HCPM-RIO, E AI ASSINEI,SO QUE QUANDO VOCES PEGUA O CONTRA-CHEQUE E HCPM-RIO NAO VEM DESCONTADO E AI,VOCES SABIAO E A RECEITA FEDERAL SABE.

      Excluir
    2. Incluindo as gratificações inerentes ao cargo, o salário do Soldado PM deveria ser R$ 4.663,75 (quatro mil, seiscentos e sessenta e três reais e setenta e cinco centavos).

      Excluir
    3. Além do salário ser o pior, o custo de vida é o maior do país

      Excluir
  2. POLICIAL MILITAR, A HORA É DE COLOCAR A CARA!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O COMPANHEIRO DESDE 1982 JA BOTO A CARA A BUND..................E O CORPO TODO E NADA,EX; OLHA TEU CONTRA-CHEQUE E VEJA SE HCPM-RIO ESTA NO DESCONTO EM FOLHA,AI TE PERGUNTO PRA ONDE ESTA ESTE DINHEIRO,E DETALHE VEJA QUANTO FOI A BOLSA FAMILIA,VER SE NAO FOI ALTA A PORCENTAGEM.DO QUE A DADA A PMERJ.

      Excluir
  3. _____________E LAMENTAVEL A SUA SITUAÇAO A MAIORIA DA TROPA DA PMERJ VOTARAM NO PMDB NO ZE PILANTRA DO GOVERNO PEZAO ENCOSTO DO GOV...CABRAL ....BOM BOM BOM....AGORAM TEM QUER CHUPAR ESSA MANGA 4 ANOS ....SOLDADO AVISADO NAO MORRER NA GUERRA...SO TEM UM JEITO E TODA TROPA SER JUNTAR CONS BOMBEIROS E IR PARAS RUAS COM SEUS FAMILIARES E POPULAÇAO ...OU ENTAO MAIS UMA VEZ TODOS MORRERAM NA PRAIA DA MIZERIAS .....ACORDAM POLIÇADA CHEGAR DE SER BURROS E GBOS E CABEÇA DE CAMAROES...JUNTOSSOMOSFORTESPMERJXBOMBEIROS....A ULTIMA CHAMADA GERAL...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Coronel Pinheiro Neto, Comandante da Polícia Militar, admite crise na tropa.

      http://odia.ig.com.br/noticia/rio-de-janeiro/2015-01-15/comandante-da-policia-militar-admite-crise-na-tropa.html

      Excluir
    2. O COMPANHEIRO NAO SEI QUANTO TEMPO TENS DE POLICIA,ISSO EU JA ESCUTO A 30 ANOS,E O PIOR DISTO TUDO E O COMPANEIRO MORRER E FAZER FESTA NO BATALHAO PARA OS PROPRIOS POLICIAIS QUE PEDERAM UM AMIGO E IR.A FESTA.NAO TA DIFICIL.

      Excluir
  4. Meu Deus, que Ortografia é essa?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O COMPANHEIRO AS VEZES A ORTOGRAFIA E FALHA,POIS MUITOS AINDA SOBRA UM TEMPINHO PARA RESPONDER,JA UTILIZOU UM WHATSAPP,A AMIGO FICAR SURPRESO COM AS ORTOGRAFIA E MUNDO DE HOJE.O IMPORTANTE A PARTCIPAR NAO CRITICAR PASSE BEM.

      Excluir
  5. O QUE MOTIVA QUALQUER PROFISSIONAL É O VALOR DO SEU SALÁRIO (É A SUA RECOMPENSA).
    UM SALÁRIO BAIXO SIGNIFICA INSATISFAÇÃO E CANSAÇO DA TROPA (PRECISA-SE DE UM "BICO").
    TROPA INSATISFEITA/CANSADA SIGNIFICA PRODUTIVIDADE ZERO (PESSOA CANSADA NÃO RENDE).
    PRODUTIVIDADE ZERO SIGNIFICA PERIGO, INSEGURANÇA PÚBLICA NAS RUAS DO RIO DE JANEIRO.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. BOA NOITE COMPANHEIRO,QUE ADIANTA RECEBER CADA POLICIAL 10.000,00 REAIS AO MES SE TUDO SOBE DE PREÇO.UMA PESSOA IMPORTANTE ESTA SE NAO ME ENGANO NO PARAGUAI OU URUGUAI FAZENDO COMPRAS.LEI MAIS.

      Excluir
  6. DESDE O FIM DA ELEICOES O GOV PEZAO ESTA TRISTE,TENTANDO TIRAR DINHEIRO DE QUEM JA CUMPRIU SUA META COM DESCONTOS QUE AS VEZES EU NAO SABIA O QUE ERA,NAQUELE TEMPO RECLAMAR ERA RUA,E ATE HOJE E ASSIM.O OUVIU OS CMT DIZER NAO ESTA SATISFEITO PEDE PRA IR EMBORA.

    ResponderExcluir
  7. DEPUTADO FLÁVIO BOLSONARO (PP/RJ) CRITICA BELTRAME POR CAUSA DE MORTE DE POLICIAIS MILITARES

    Diante do índice alarmante de policiais militares assassinados no Rio (a média é nada menos que NOVE por mês), o deputado Flávio Bolsonaro (PP/RJ), em discurso na Asssembleia Legislativa do Estado do Rio, acusou o secretário de Segurança Pública do Rio, José Mariano Beltrame, de se omitir em momentos como o atual, e de não ter seu apoio na campanha pela aprovação, no Congresso Nacional, de projeto de lei que torna hediondos os crimes cometidos contra as vidas de policiais.

    Segundo Bolsonaro, os servidores da Segurança estão acuados, pois não teriam sequer apoio jurídico para trabalharem, principalmente pela atuação dos militantes dos direitos humanos, que seriam os grandes responsáveis pela "completa inversão de valores, que faz com que policiais estejam algemados e bandidos fiquem de mãos livres para cometerem crimes".

    Obviamente que quanto aos direitos humanos, Bolsonaro está equivocado. Uma coisa não tem nada a ver com a outra. Está comprovado em qualquer país de primeiro mundo que a polícia deve agir com firmeza sem perder a noção dos direitos humanos. O que não pode acontecer é privarem os policiais de seus direitos. E o direito à vida é o principal deles.

    https://www.youtube.com/watch?v=F4KrVfBeHuY&feature=youtu.be

    Gostaria de vê-lo no Governo do Estado do Rio de Janeiro!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. QUANTOS SECRETARIOS JA SAIRAM,COM TANTA DESGRAÇA SO ELE E QUE FICA,E DIZER QUE POLICIAIS VAO PARA POR COMETER ERROS,QUEM TEM QUE DIZER E MAGISTRADO ELE,SENDO UM AGENTE FEDERAL TINHA QUE ESTA NA LINHA DE FRENTE,E NAO ATRAS DE UMA MESA.

      Excluir
  8. É tanto DESCASO que o Policial Militar do Rio de Janeiro pensa todos os dias em PEDIR BAIXA da Corporação!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A RESPOSTA E SIMPLES E TANTO POLICIAL QUE SE MORRE ALGUNS NAO FARA FALTA,DESCULPA-ME E PURA VERDADE E DIZEM E MAS UM SOM QUE NASCE NO CEU DO BRASIL.

      Excluir
  9. ... Se eu fosse o Pezão adiantaria a próxima parcela ...

    ResponderExcluir
  10. E E DESPOIS O LEAO TE FERRA O COMPANHEIRO E REFORMA SE E NAO DEVE DESCONTAR O IMPOSTO DE RENDA.EU TO FERRADO DEREPENTE DEVO 6.543,20 AO LEAO.DIGO E AGORA.

    ResponderExcluir
  11. O auxílio invalidez, não é pago pelo Pezão ,aos policiais inválidos.GRET um assalto no contracheque 11% .porte de arma dos policiais aposentados foi revogado pelo STJ. pensem nisso quando VCS, policiais quando exporem a vida de VCS ,por essa sociedade corrupta e viciada . não exponham a vida de VCS pelo Beltrame ,Pezão ou seja lá quem for,não vale a pena.

    ResponderExcluir
  12. Por favor,a quem possa me esclarecer,o motivo o qual os processos referentes ao auxilio invalidez (lei 6764/2014) estão demorando muito a serem despachados pelas seções.Já fiz a pericia médica desde o dia 12/02/2015 e ainda não foi despachado pela DGP.Cada mês que passa perdemos dinheiro,haja visto que o meu processo está trâmitando desde o mês de Julho,e a cada movimentação leva meses para ser despachado

    ResponderExcluir
  13. Prezado, os processos demoraram a ser analisados porque havia algumas questões legais a serem analisadas. Todos os problemas foram resolvidos e a pericia está fazendo um mutirao para que todos os cerca de 150 militares que requereram o benefício sejam inspecionados até o final de maio. Essa semana já foi publicada a minuta de convocação de todos em boletim. Praticamente não tem oficiais, são quase todos praças. Com a ajuda de Deus vcs receberão esse benefício de que tanto precisam o mais rápido possível. Alguns oficiais gostam muito de vcs e vão continuar lutando por vcs !

    ResponderExcluir
  14. Boa noite companeiro, eu tambem ja fiz minha pericia na junta especial, alguem sabe informar por favor se teremos direito a receber retruativo a data de entrada requerimento. Obrigado pela atenção e que Deus abençoe a todos Vcs meus irmão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu amigo,conseguiu receber o auxilio invalidez?Me apresentei na DIP esse mes,e ninguem soube me informar se o auxilio esta sendo pago.No meu caso ja foi ate publicado em bol que faço jus ao auxilio invalidez.

      Excluir
    2. Por favor alguém aqui recebe o auxilio invalidez?

      Excluir