terça-feira, 27 de setembro de 2016

ESTADO PEDE AJUDA PARA PAGAR POLICIAIS CIVIS E MILITARES


RIO - O governo estadual conta com a ajuda da União para continuar pagando salários de servidores e pensionistas. Fontes consultadas pelo GLOBO disseram que o governador em exercício, Francisco Dornelles, pediu ao ministro da Defesa, Raul Jungmann, que o ajude a negociar uma liberação de recursos com o Palácio do Planalto. O dinheiro seria empregado no pagamento de policiais civis e militares. Além disso, ele solicitou ao governo federal que autorize um novo envio de tropas do Exército para o estado, na intenção de reforçar o policiamento nas ruas. Durante dois meses, militares auxiliaram na segurança da Olimpíada e da Paralimpíada. As tropas foram desmobilizadas com o fim dos Jogos, no último dia 18.

O pedido de ajuda financeira é um reflexo da crise enfrentada pelo governo estadual, que, nos últimos meses, tem atrasado o pagamento de servidores e pensionistas. A falta de dinheiro em caixa afeta inclusive o depósito dos vencimentos das forças de segurança. Em junho, Dornelles chegou a decretar estado de calamidade pública “no âmbito da administração financeira”. No fim daquele mês, preocupada com o risco de a crise comprometer a Olimpíada, a União acabou liberando R$ 2,9 bilhões ao Rio, que ajudaram a minimizar os problemas.Continue lendo: O GLOBO

Nenhum comentário:

Postar um comentário